Google+ Followers

domingo, 19 de maio de 2013

A "nossa" Europa


Neste século, particularmente, há mais gente a morrer que a nascer, muita gente já teme o futuro dos filhos, nem pensar em criar outros. Em cada dia que passa as dificuldades ampliam os carentes, colocam na rua mais carentes; tanta gente sem olhar a lua, como muita sorte trabalhava, os desempregados a aumentar apressadamente para um abismo que a ganância dos iletrados no poder, sem conhecer a sociedade que eles próprios herdaram, colocou.

Sem comentários:

Enviar um comentário