Google+ Followers

terça-feira, 30 de abril de 2013

Minha amada

Como macho estarei atento
Ao meu amor e também feitiços,
Não há moça, maçã e seus serviços,
Que alterem meu nobre pensamento.

Cada vez mais o meu contentamento,
Contente-se em ti e teus ofícios,
Que recusarei todos os avisos
De viver diferente, neste momento.

Amo-te como amigo e amante,
E aposto o meu amor em ti,
Mesmo que voes sozinha, neste instante.

Quando pousares comigo aí,
Verás que do teu amor, sou importante
E perdidos, faremos amor aqui.



Sem comentários:

Enviar um comentário